LANDR BLOG

Criação de batidasTeoria musical

7 Dicas Essenciais de Arranjo para Trabalhar com Samples

7 Dicas Essenciais de Arranjo para Trabalhar com Samples

Grandes idéias musicais sempre funcionam por conta própria, mas arranjos eficazes as transformam em músicas que comunicam em um nível mais profundo.

Um arranjo forte reflete a melhor apresentação possível da sua música e criar ótimos arranjos quando se trabalha com samples não é tarefa fácil.

Neste artigo, abordaremos sete dicas de samples para melhores arranjos.

1. Use samples densos para preenchimentos e transições

Os sons mais complexos e emocionantes costumam parecer mais interessantes quando você está buscando por samples fora do contexto.

Mas uma vez introduzidos nas suas sessões, esses sons nem sempre se encaixam. Samples excessivamente densos podem ofuscar os elementos mais fundamentais do seu arranjo.

Samples excessivamente densos podem ofuscar os elementos mais fundamentais do seu arranjo.

O bumbo, a caixa, o baixo, os vocais e as melodias – nada disso deve ser sobreposto por samples chamativos.

Em vez disso, deixe esses samples para preenchimentos, transições e outros momentos em que você precisar aprimorar o drama em seu arranjo.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/09/7-Essential-Arrangement-Tips-for-Working-With-Samples_fills.jpg

Dessa forma, você pode reservar os seus sons mais atraentes para enfatizar os momentos principais de suas músicas.

2. Use samples de ruído para preencher momentos esparsos

Na maioria das vezes, é de se esperar que você deseje reduzir o efeito do excesso de ruído em suas gravações.

Mas o ruído sampleado do vinil, o atmosférico ou o de outro material não tonal, contudo, podem servir como um bom preenchimento quando usado em pequenas doses.

Mas o ruído sampleado do vinil, o atmosférico ou o de outro material não tonal, contudo, podem servir como um bom preenchimento quando usado em pequenas doses.

Eles podem até ser um elemento principal da textura quando os pads, leads ou vocais estão de fora.

Um bom ruído atmosférico em camadas com samples SFX pode dar às suas produções um caráter único.

E elementos não tonais podem ajudá-lo a evitar que uma seção esparsa pareça inconsistente ou chata.

Uma vez que você se acostumar com a qualidade do ruído capaz de melhorar uma mixagem, você terá muitas novas idéias.

Uma vez que você se acostumar com a qualidade do ruído capaz de melhorar uma mixagem, você terá muitas novas idéias.

3. Use versões modificadas de seus principais samples para criar variação

Se você usou um sample especial como um dos principais elementos da sua faixa, seus ouvintes se irão se familiarizar com ele rapidamente – conscientemente ou não.

Isso significa que eles o reconhecerão de muitas formas diferentes, mesmo que tenham sido cortados, invertidos, desacelerados ou rapidamente reativados.

Explore essa familiaridade para ser criativo com seus samples. Muitos arranjos baseados em samples introduzem um sample no início da música e o modificam até que ele mal seja reconhecível no final.

Muitos arranjos baseados em samples introduzem um sample no início da música e o modificam até que ele mal seja reconhecível no final.

Essa é uma técnica eficaz para criar um senso de desenvolvimento linear ao longo de uma faixa inteira.

4. Não exagere com os vocal hooks

Encontrar um sample vocal excepcional pode nos fazer sentir como se fosse outro. Mas, ainda assim, se você quiser manter a magia viva, não use-os demais.

Algumas faixas incríveis contam com um único sample vocal como uma espécie de mantra – e é bom lembrar que há uma linha tênue entre a repetição significativa e o clichê ruim.

Em vez disso, introduza seus vocal hooks com cuidado para dar-lhes o máximo de impacto em seu arranjo.

Configure grandes momentos vocais com outros elementos de arranjo, como compilações ou preenchimentos de bateria, para incluir o máximo de drama possível.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/09/7-Essential-Arrangement-Tips-for-Working-With-Samplesvocal-hooks.jpg

Os vocais são o elemento mais humano da sua produção – não perca a chance de fazê-los valer.

Os vocais são o elemento mais humano da sua produção – não perca a chance de fazê-los valer.

5. Atente-se aos conflitos entre loops e instrumentos MIDI

Adicionar bateria ou baixo de um plug-in VST a um groove em loop que precisa de um pouco de ataque extra é uma técnica clássica ao se trabalhar com samples.

Mas você deve ter cuidado ao adicionar material percussivo ou sons em camadas com muito baixo.

Grandes diferenças de tempo entre um plug-in e um loop de bateria podem introduzir efeitos irritantes conhecidos como “flam”.

Isso ocorre quando os hits estão tão fora de sincronia que você percebe o início de cada um individualmente.

6. Esteja consciente do campo estéreo

A produção e o arranjo se sobrepõem mais do que muitos imaginam.

A variação do conteúdo do campo estéreo é uma fantástica técnica de arranjo que pode adicionar ênfase extra a qualquer nova seção da sua música.

Preste atenção ao campo estéreo se você estiver usando samples para preencher esse espaço.

Preste atenção ao campo estéreo se você estiver usando samples para preencher esse espaço.

Observe a largura e a propagação dos samples estéreo enquanto os escuta, e certifique-se de variar o panning dos seus samples mono ao longo da faixa.

Faça suas escolhas de panning adequadamente com base no desenvolvimento da música.

Expandir a amplitude do estéreo em um coro e reduzi-la novamente um uma preparação é uma boa maneira de dar mais cor ao arranjo.

7. Transponha samples para criar progressões harmônicas

A transposição de samples é uma ferramenta poderosa.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/09/7-Essential-Arrangement-Tips-for-Working-With-Samples_transpose.jpg

Mudar o tom de um sample pode gerar uma vibe especial e também é uma ótima maneira de se criar progressões harmônicas.

Aprimore suas habilidades de escuta e comece a transpor samples com uma progressão de acordes em mente.

Talvez você se surpreenda ao saber que muitas faixas clássicas são construídas inteiramente com acordes paralelos a partir de samples transpostos.

E não se esqueça de referenciar seus acordes diatônicos ao usar samples com conteúdo harmônico – seus samples podem funcionar em mais lugares do que você pensa!

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2018/01/Chord-Progressions-Major-Chord-Progression-Chart-1.jpg

Arranjos editáveis

O arranjo é uma das disciplinas principais da composição musical por um motivo.

Ótimos arranjos fornecem profundidade e drama para aumentar o impacto emocional de uma música. O mesmo vale para músicas baseadas em samples.

Experimente estas dicas na próxima vez que você estiver tentando criar arranjos atraentes com samples.

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! <a href="https://www.landr.com/pt/preco/?utm_campaign=acquisition_platform_en_us_studio-generic-new-blog-ad&amp;utm_medium=organic_post&amp;utm_source=blog&amp;utm_content=left-hand-generic-ad&amp;utm_term=general">Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.</a>

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.

LANDR

Various contributors from the LANDR team of music mentors.

@LANDR

Receba guias de equipamento, dicas de mixagem, os melhores plug-ins gratuitos e muito mais na sua caixa de entrada todas as semanas.

As últimas novidades da LANDR