LANDR BLOG

Equipamento musicalGravação

Gravando em Casa: Como Montar um Home Studio Perfeito com Qualquer Budget

Gravando em Casa: Como Montar um Home Studio Perfeito com Qualquer Budget

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.

É hora de construir a instalação perfeita de um estúdio de gravação em casa.

Mas como é um perfeito estúdio de gravação em casa? Perfeito tem que significar perfeito para você. Isso significa seus instrumentos, seu budget e suas necessidades.

Construir um Home Studio é assustador e caro no começo. Então comece com o básico. Construa seu estúdio de gravação de acordo com as suas necessidades e com possibilidade de crescimento a sua escolha.

Este guia prático vai te ajudar a escolher os equipamentos certos de gravação. Escolha entre as categorias abaixo a que mais se encaixa no seu perfil e veja os itens essenciais:

  • Iniciante— Apenas começando ou com um budget
  • Intermediário—Pronto para o próximo nível
  • Profissional—Ganhando sua vida com a música
  • Super Profissional—Você quer investir em equipamentos top de linha.

Pronto? Aqui vamos nós!

1. Computador e Estação de Trabalho Áudio Digital(DAW)

how-to-build-your-perfect-home-studio_daw_1200x627

Se você está lendo este post, tem um boa chance de você já ter um computador. Ótimo!
Agora é o momento de refletir: Esse computador é rápido e estável o suficiente para aguentar uma carga de CPU mais pesada de uma DAW? Se ele não aguenta, talvez seja a hora de fazer um upgrade da CPU..

Pode até ser a hora de um computador completamente novo. Se for o caso, vá para um Solid State Drive (SSD) ao invés de um disco rígido (Unidade de disco rígido aka HDD). SSDs são mais caros, mas também bem mais rápidos, silenciosos e mais confiáveis – ideal para executar software de gravação.

Então se seu computador está pronto, agora você precisará que escolher uma DAW.

Se você está gravando instrumentos acústicos ou produzindo dentro de um programa, você precisa de um software de gravação para ajustar, editar, mixar e fazer o bounce das suas criações para masterizar.

Para escolher a DAW certa para você, dê uma olhada no nosso completo Guia DAW.

2. Fones de Ouvido

how-to-build-your-perfect-home-studio_headphones_1200x627

Uma vez que você tenha seu computador e sua DAW, é hora de seguir para os fones de ouvido.

Por que fones de ouvido primeiro? Porque é a melhor maneira de começar a produzir e mixar música quando:

  • Você está em um quarto que não foi feito para som
  • Você está em um apartamento onde barulho é um problema (vizinhos, colegas de quarto)
  • Você não pode ainda investir em um bom par de monitores

Mesmo depois que você tiver seus monitores e tratamento acústico você ainda vai precisar de um par de fones de ouvido de monitoramento. Então é um ótimo investimento desde do início, não importa como o seu estúdio está configurado.

É hora de dizer adeus para aqueles fones auriculares (earbuds). O que você precisa é de um fone circumaural – aquele que tem apoio de espuma e é feito para assentar em torno de toda a orelha.

Existem dois tipos de fone circumaural:

  • Closed-back – usado tipicamente para tracking
  • Open-back – usado tipicamente para mixagem

O fone closed-back te proporciona uma ótima isolação para gravação mas um pouco menos de qualidade. Já o Open-back, te dá uma ótima qualidade de som mas tem que ser usado num lugar silencioso e também é mais caro.

Aqui estão alguns fones analisados pela nossa equipe de áudio:

  1. Iniciante: Audio-Technica ATH-M40x (closed-back)
  2. Intermediário: AKG K240 MKII (closed-back)
  3. Profissional: Beyerdynamic DT 770 250 ohm (closed-back) OU Sennheiser HD 600 (open-back)
  4. Super Profissional: Sennheiser HD 800 (open-back)

Dica: Leve uma música que você realmente goste no seu telefone ou MP3 player quando você for na loja de música. Peça para experimentar os fones antes de comprar. Compare vários fones ouvindo a mesma música no mesmo volume. Ou melhor ainda, masterize uma faixa que você esteja trabalhando e leve com você.

3. Interface Áudio

how-to-build-your-perfect-home-studio_audiointerface_1200x627

O que é uma interface de áudio?

Uma interface de áudio é um dispositivo que permite você conectar instrumentos e microfones no seu computador. Uma interface te dá a capacidade de gravar vários tipos de sinais de áudio (microfones,etc) na sua DAW.

Interfaces de áudio usam USB, FireWire ou Thunderbolt para conectar no MAC ou PC. Você geralmente precisa instalar um simples driver para sua interface, mas depois você estará pronto para continuar.

Quando você estiver procurando a melhor interface de áudio para o seu Home Studio, um bom ponto de começo é um modelo com 2 Inputs e 2 Outputs.

Muitas interfaces vem com Jack Combo -XLR e ¼’’ combinados num só. Isso te dá a flexibilidade the plugar um cabo TRS/1/4”TS ou um cabo XLR.

Se você não tiver certeza sobre os conectores, leia nosso guia Tipos de Cabo de Áudio..

A qualidade dos pré-amplificadores e conversores dentro das interfaces de áudio normalmente dita o preço.

Aqui estão algumas de nossas interfaces favoritas:

  1. Iniciante: PreSonus AudioBox OU Focusrite Scarlet 2i2
  2. Intermediário: Audient iD14 OU Apogee Duet (para Mac e iOS somente)
  3. Profissional: Apollo Twin
  4. Super Profissional: Apogee Quartet OU Apogee Symphony

Dica: Algumas interfaces de áudio vêm com DAW gratuita – frequentemente na versão introdutória. Isso te ajuda a poupar dinheiro e você começa a produzir. Então se você precisa de uma DAW e uma interface, o pacote é uma ótima maneira de começar.

4. Acessórios: cabos, bancadas, prateleiras

how-to-build-your-perfect-home-studio_accessories_1200x627


Todo estúdio precisa de acessórios essenciais de áudio.
O mais importante são os cabos de áudio, obviamente – caso contrário nada vai funcionar e seu som não vai sair em lugar nenhum! Ter os cabos essenciais é chave para obter suas idéias se tornarem concretas rapidamente.

Aqui estão os cabos básicos que a maioria dos estúdios precisam:

  • Cabos XLR para seus microfones e conexões balanceadas
  • Cabo de áudio desbalanceado de ¼” para guitarras e pedaiss
  • Cabo de áudio balanceado de ¼” para seus sintetizadores balanceados e caixa de ritmos
  • Cabos MIDI para sincronizar tudo

 

Considere também ter:

  • Base para microfone
  • Pop filter (para um vocal limpo)
  • Keyboard Stand
  • Mala de viagem para seus equipamentos – se você estiver fazendo shows
  • Cabo de Extensão de Headphone de Alta Qualidade (como Mogami Gold)
  • Barras de Energia
  • Cadeira apropriada

5. Microfone

how-to-build-your-perfect-home-studio_microphones_1200x627

Se você está usando vocais ou gravando instrumentos, você precisa de um bom microfone (ou um monte).

Mas tem diversos por aí. Então vamos começar pelo básico.

Você vai encontrar 2 tipos principais: dinâmico e condensado.

O Que é um Microfone Dinâmico?

Microfones dinâmicos são resistentes – eles vão suportar algumas cerveja e gotas no microfone. Isso os torna perfeitos para palco.

Eles geralmente não exigem energia extra. Basta conectá-lo com um XRL e você está pronto.

Eles têm uma resposta de freqüência aceitável, mas não é o mais exato.

Microfones dinâmicos são melhores para vocais ao vivo, bateria e amplificadores de guitarra.

O Que é um Microfone Condensado?

Microfones condensados são mais sensíveis e seus outputs são mais altos. Eles possuem uma excelente  frequência e resposta do transiente. Isso significa que eles são melhores para capturar todas as variações especialmente no high end.

Esses microfones são os melhores para o estúdio – são mais frágeis e sensíveis ao som alto. Eles também precisam de fornecedor de energia ou “phantom power”para funcionar.

Microfones condensados são categorizados pelo tamanho dos diafragmas: grandes ou pequenos. Os diafragmas grandes são  melhores para frequência baixa (violoncelos , vocais , etc). Diafragmas pequenos são melhores para sons rápidos e de alta frequência( flauta solo, guitarra acústica, etc)

Veja alguns modelos que você pode procurar:

  1. Iniciante: Shure SM58 (dinâmico) OU Audio-Technica AT2020 (condensado)
  2. IntermediárioRØDE NT2-A (condensado)
  3. Profissional: Neumann TLM 102 (condensado)
  4. Super Profissional: AKG C414 (condensado)

Dica: O Shure SM58 é um clássico para shows ao vivo, tanto para quem está começando quanto para quem já é lenda. Todas as casas de shows possuem este, por isso, é um sábio investimento.

6. Teclado MIDI/Controlador

how-to-build-your-perfect-home-studio_midicontroller_1200x627

Qualquer um que usa uma DAW para fazer música eventualmente precisa de um controlador MIDI.

Seu software DAW ganha vida quando você controla todos os seus favoritos plugins VST e sintetizadores suaves usando um teclado MIDI. Ajustes esses botões! Toque esses faders!

Um controlador MIDI se torna uma versão de hardware (mais divertida) da sua DAW.

Para te ajudar a escolher, veja nosso guia para os melhores teclados controlador MIDI.

7. Monitores Alimentados

how-to-build-your-perfect-home-studio_monitors_1200x627

Ok, então você está pronto para ir além dos seus fones de ouvido. Fones são ótimos, mas eles vão te cansar mais rápido quando você estiver criando/produzindo por horas . E mais, não é todo mundo que ouve música em fones de ouvido.

É melhor misturar uma variedade de sistemas de reprodução(playback) para obter uma boa mistura de som.

Agora você precisa de monitores de estúdio. Monitores alimentados não necessitam de energia extra e eles são padrão na maioria dos home studios de gravação.

Qual a diferença entre speakers regulares e monitores?

Speakers são feitos para melhorar o som de maneira particular que soam bem para ouvir . Isso significa que o ponto mais baixo pode ser impulsionado. Esses auto falantes enfeitam muito o som.

Monitores de Estúdio por outro lado são mais planos. Eles te permitem ouvir com precisão a sua mix. Monitores de Estúdio são um “must” se você leva a sério produzir e mixar música.

Aqui estão os modelos mais populares de monitores:

  1. Iniciante: M-Audio AV42 OU PreSonus Eris E5 
  2. Intermediário: KRK Rokit 5
  3. Profissional: Adam A5X
  4. Super Profissional: Genelec 8030B

Como escolher o seu monitor de estúdio?

A melhor maneira de escolher é indo em uma loja de música que deixa você ouvir todos os modelos disponíveis.

Leve no seu telefone ou no seu Mp3, uma faixa que você conheça muito bem.

Se posicione no meio de dois monitores no nível da orelha. Sua cabeça e cada monitor devem formar um triângulo perfeito (veja a imagem abaixo). Esta é a melhor localização do monitor.

how-to-build-your-perfect-home-studio_monitors_700x500

Toque sua música e compare como a mesma faixa soa, no mesmo volume, em cada par de monitor. Por último, escolha o monitor que soa mais próximo de como ela realmente soa.
Bons monitores soam plano, têm um boa low end e clara high end. Claro que o lugar vai afetar também no som que sai do monitor. Então, o próximo passo é o tratamento acústico.

Se você quiser uma “energia extra” e se você não tiver vizinhos, obtenha também um subwoofer. Aqui estão algumas ótimas opções por menos de $500USD:

how-to-build-your-perfect-home-studio_helpbook_1200x627

8. Livros de Produção Musical

Finalmente, ao invés de sugerir mais equipamentos iremos sugerir algumas leituras.

Comece com os manuais!

É bom ter um bom livro na mão quando você quer saber como fazer alguma coisa específica. Esses livros são bem detalhados e úteis para melhorar suas habilidades.

Confira nossos livros de produção musical preferidos:

  1. Home Recording For Musicians For Dummies de Jeff Strong
  2. The Audio Expert de Ethan Winter
  3. The Studio SOS Book: Solutions and Techniques for the Project Recording Studio de Paul White, Hugh Robjohns e Dave Lockwood
  4. The Mixing Engineer’s Handbook de Bobby Owsinsk

E lógico, nós sempre estaremos aqui no blog para te dar todas as informações que você precisa.
Inscreva-se na nossa newsletter na parte inferior da página.

Faça Seu Estúdio Perfeito Se Tornar Realidade

Construir em casa um maravilhoso estúdio de gravação pode parecer assustador no começo.

Mas lembre-se que você não precisa comprar os equipamentos mais caros. Seu estúdio tem que ser perfeitamente configurado para o seu som.

Comece pequeno e adapte sua configuração ao que você precisa. Depois construa conforme você for evoluindo.

Faça direito e deixe seu estúdio crescer junto com sua música.

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! <a href="https://www.landr.com/pt/preco/?utm_campaign=acquisition_platform_en_us_studio-generic-new-blog-ad&amp;utm_medium=organic_post&amp;utm_source=blog&amp;utm_content=left-hand-generic-ad&amp;utm_term=general">Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.</a>

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.

Monique Brandão

Monique é profissional de marketing, ama música, é viciada em redes sociais e mora no Canadá. No seu tempo livre ela gosta de estar com os amigos e em contato com a natureza, especialmente durante o verão. Contribuidora de Conteúdo da LANDR.

@Monique Brandão

Receba guias de equipamento, dicas de mixagem, os melhores plug-ins gratuitos e muito mais na sua caixa de entrada todas as semanas.

As últimas novidades da LANDR