LANDR BLOG

Inspiração

6 Razões Pelas Quais Você Deve Aprender um Novo Instrumento

6 Razões Pelas Quais Você Deve Aprender um Novo Instrumento

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.

Quando queremos começar uma música nova, a maioria de nós buscamos inicialmente o instrumento com o qual estamos mais familiarizados.

Mas interagir apenas com um instrumento pode fazer com que você fique preso em um bloqueio criativo…

Uma das melhores maneiras de sair dele é tentar um instrumento totalmente novo.

Quer o seu instrumento principal tenha teclas, cordas, pads ou baquetas – tentar algo diferente é enriquecedor.

Aqui estão as 6 principais razões pelas quais você deve aprender um novo instrumento.

1. Você vai realizar um exercício teórico

Você realmente se lembra armadura de clave de Ab Major?

Quando sua memória muscular musical desaparecer com um novo instrumento, você terá que ater-se à um esforço cerebral para prosseguir.

Confiar em seu conhecimento teórico para se orientar em um novo instrumento também é um exercício excepcional.

Você realmente se lembra da armadura de clave de Ab Major?

Ao ao deparar-se com suas limitações no seu novo instrumento, você vai ter que deliberar sobre cada ação. Isso significa saber o que você quer tocar antes de tocar de fato.

O centro teórico do seu cérebro estará trabalhando com uma carga extra e esse esforço o ajudará a solidificar conceitos-chave.

2. Você encontrará novas abordagens para as melodias

Tentar conceber novas melodias é difícil.

Os hábitos melódicos são fáceis de serem criados e difíceis de serem rompidos, especialmente se você já os praticou centenas de vezes em seu instrumento principal.

Os hábitos melódicos são fáceis de serem criados e difíceis de serem rompidos, especialmente se você já os praticou centenas de vezes em seu instrumento principal.

Em um novo instrumento, você não terá hábitos antigos a serem usados. Trabalhar com melodias dessa maneira pode te levar a caminhos inesperados.

Talvez você seja forçado, em alguma medida, a reproduzir linhas mais lentas e frases mais longas. Ou talvez você possa finalmente tocar várias partes ao mesmo tempo.

Seja qual for o resultado, esse será um exercício para além do familiar.

3. Você será incentivado a aprender por experiência

Você se lembra da senso de possibilidade que você sentiu quando começou a aprender seu instrumento? Talvez não mais depois de um longo tempo fazendo o mesmo…

Mas quando você começa a tocar um instrumento diferente, esse sentimento retorna. E há apenas uma maneira de encontrar o seu caminho em um novo instrumento – experimentando!

Experimente para descobrir o que aquele botão faz, ou o que acontece quando você o eleva. A experimentação é uma das formas mais divertidas de aprender alguma coisa, e é especialmente divertida na música.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/01/experiment_1200x627.jpg

Conquistar o seu senso de aventura musical de volta é uma razão essencial para tentar um novo instrumento.

Conquistar o seu senso de aventura musical de volta é uma razão essencial para tentar um novo instrumento.

4. Você começará a pensar como um iniciante mais uma vez

Muitos artistas creditam sua falta de treinamento formal como fonte de criatividade.

Intuição musical pura é a essência do punk, e ela é fácil de ser acessada quando você não sente a pressão de tentar melhorar seu instrumento principal.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/01/beginner_1200x627_2.jpg

Portanto, use essa abordagem intuitiva para destilar suas idéias até a forma mais básica.
Você terá que fazer isso se estiver trabalhando com um instrumento totalmente novo!

Às vezes a solução mais simples é de longe a melhor. Começar com um novo instrumento mantém você concentrado nessa simplicidade.

Intuição musical pura é a essência do punk.

Dica: grave tudo também durante sua fase inicial. Não há erros quando você está apenas começando.

5. Você desenvolverá um novo apreço pelo arranjo

Todos nós tendemos a sobrevalorizar o papel que nosso próprio instrumento desempenha em um arranjo. Tocar um novo instrumento te força a direcionar sua concentração para uma parte totalmente diferente da música.

Passar de um instrumento melódico para algum da seção rítmica (ou vice-versa) é uma enorme mudança de paradigma.

Mesmo a mudança de um instrumento polifônico como guitarra ou piano para um monofônico, como trompete ou monosynth, pode ser bastante produtiva.

Você terá que se concentrar em elementos sonoros pelos quais antes você não se preocupava.

https://blog.landr.com/wp-content/uploads/2019/01/newRoles_1200x627.jpg

Experimentar novos papéis pode ajudar sua composição. Fique à vontade para tocar as diferentes partes de uma música. Isso expandirá sua compreensão sobre como compor para outros instrumentos.

Fique à vontade para tocar as diferentes partes de uma música. Isso expandirá sua compreensão sobre como compor para outros instrumentos.

6. Isso vai te fazer melhor em seu instrumento principal

Todas as lições que você aprende praticando um instrumento diferente valerão a pena quando você voltar para o seu instrumento principal.

Se trabalhar em seu novo instrumento te levou a revisar a teoria, ou fazer com que você pense mais sobre as outras partes do arranjo, essas lições permanecerão com você.

Às vezes, renovar as perspectiva dessa maneira é o suficiente para romper barreiras e aumentar o nível da sua experiência musical.

A prática é uma parte crucial da vida musical, não importa qual seja o seu instrumento. Mas expandir perspectivas renovando os seus hábitos é também importante.

A prática é uma parte crucial da vida musical, não importa qual seja o seu instrumento.

Encare o desconhecido

Aprender um novo instrumento faz bem para a sua saúde musical.

Seja para escapar de padrões já saturados ou para descobrir novas possibilidades – um novo instrumento vale a pena.

Renove-se. Não há melhor tempo para reinventar-se do que o agora!

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! <a href="https://www.landr.com/pt/preco/?utm_campaign=acquisition_platform_en_us_studio-generic-new-blog-ad&amp;utm_medium=organic_post&amp;utm_source=blog&amp;utm_content=left-hand-generic-ad&amp;utm_term=general">Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.</a>

Masterização e distribuição ilimitadas, 1.200 samples livres de royalties, 30+ plug-ins e muito mais! Obtenha tudo o que a LANDR tem a oferecer com o LANDR Studio.

Gabriel Valente

Gabriel é um músico apaixonado pelas paisagens sonoras do Brasil. Recém radicado em Montreal, ama pedalar pelas ruas da cidade e acredita na força do som e dos encontros.

@Gabriel Valente

Receba guias de equipamento, dicas de mixagem, os melhores plug-ins gratuitos e muito mais na sua caixa de entrada todas as semanas.

As últimas novidades da LANDR